top of page

Elementos do altar

Paramentos

Sabe aqueles panos coloridos que ficam no altar e púlpito da sua igreja? Se chamam paramentos e não estão ali só pra enfeitar não, eles tem significado. Nós vamos explicar pra você:

 

As cores desses paramentos simbolizam em que período a igreja está vivendo. Pera, como assim?

 

Há uma série de leituras bíblicas que abrangem o plano da salvação selecionadas para o Ano da igreja que tem dois grandes ciclos: ciclo de Natal e ciclo de Páscoa. Esses ciclos tem a preparação, a celebração da festa central e a extensão. As leituras estão totalmente ligadas com esses ciclos.

 

Entendi sobre o ano da igreja, mas e os paramentos?

 

Bom, as cores dos paramentos que vemos no altar estão lá conforme o período do Ano da igreja em que estivermos.

 

E o que cada cor tem de diferente e o que elas tem a ver com o período do Ano da Igreja?

 

Lembra das cores que explicamos no símbolo da JELB? Pois é, os significados são os mesmos, mas aqui há mais cores. Vamos por cada cor:

Branco: simboliza perfeição e pureza, Deus, eternidade. Por isso ele está nos períodos relacionado a Jesus, como o Natal, a Páscoa e a Epifania;

Azul: céu e esperança. Ele está lá quando o povo de Deus lembra a primeira e a segunda vinda de Jesus, isto é, o Advento;

Vermelho: sangue, fogo (como o do Espirito Santo), amor e verdade, tudo baseado em Cristo. É usada em dias de festividade como na Reforma, aniversário da congregação, Pentecostes, instalação de pastores, entre outros;

Verde: é a cor mais evidente na natureza, vida permanente, descanso, e lembra a criação. Ele é utilizado quando o foco é na vida da Igreja, após a Epifania e Pentecostes;

Roxo: simboliza o arrependimento e então é usado na época de meditação sobre a vida e morte de Cristo por nós.

Preto: O preto é a não existência de cor. Por simbolizar o luto e a humilhação é usado na morte de Jesus: sexta feira santa.

Flores

As flores expressam a beleza e a bondade de Deus,  estão ali para decorar e expressam nossa gratidão e dedicação a Deus com alegria espiritual, enfeitando sua casa. As flores devem ser colocadas em algum suporte ao lado do altar e devem ser mais baixas que ele. Por que? Para que não tire a atenção do centro de atenção do culto, que é o altar.

 

O altar geralmente fica em um local mais alto e representa onde Jesus Cristo se faz presente com seu corpo e sangue pelos elementos da Santa Ceia. 

Tudo no altar destaca a presença de Deus. O altar contém vários elementos:

 

A mesa: simboliza o túmulo vazio.

A toalha branca: simboliza o manto com que o corpo de Cristo foi envolto. Como está sobre a mesa que é o túmulo vazio, representa a ressurreição.

A cruz: fica no centro para atrair o olhar de quem participa do culto. Ela representa a doutrina e fé da igreja cristã.

As velas: lembram que a luz é símbolo de Deus, Jesus é a luz que ilumina os homens. Como elas derretem com o fogo, simbolizam o sacrifício de Cristo para a remissão de nossos pecados. Assim também devemos nos sacrificar para servir ao nosso próximo, deixando brilhar também a nossa luz.

Os elementos da Santa Ceia: Fora dos momentos de celebração da Santa Ceia, eles ficam cobertos porque neste mundo só enxergamos a Deus de forma velada mas na Santa Ceia o corpo e sangue de Cristo se fazem presentes em uma forma sacramental.

 

 

É onde a palavra de Deus é proclamada pelos ministros chamados e ordenados (Pastores). Nele também podem ser feitas as leituras bíblicas. ele também fica em uma altura mais elevada no templo, assim como o altar.

Púlpito

Pia batismal

Ela tem lugar marcante no templo e também tem como função lembrar a todos nós de nosso batismo, que é um meio da graça e da vida santificada e bençãos.

 

As vestes do pastor

O talar que o pastor usa não é obrigatório, mas o uso dele é mencionado no Antigo Testamento. Ele serve para cobrir o corpo do oficiante, ressaltando a função de sacerdote, servo de Cristo.

Textos retirados e adaptados dos sites http:// igrejaluterana.org.br e http://igreja-cristoredentor.org.br 

bottom of page